Fostering Bilateral Trade and Investment Flows Between Brazil and Florida

Presidente do Brazil-Florida Business Council apresentou iniciativas da corporação durante encontro com empresários em São Paulo

May 01, 2015 3:06 PM | Anonymous

Sueli Boanaparte e Fabio YamadaMay 1, 2015 - Tampa, Florida.  O Brazil-Florida Business Council (BFBC), criado com o objetivo de intensificar o relacionamento entre o estado americano e o Brasil através de intercâmbio de negócios, foi apresentada a empresários, executivos e investidores, durante evento realizado em São Paulo, no dia 23 de abril. 

Sediado em Tampa, Flórida, o BFBC foi idealizada pela paulistana Sueli Bonaparte, que dedicou mais de 25 anos de sua carreira profissional ao contínuo processo de estreitar os laços entre as comunidades empresariais do Brasil e dos EUA. Durante o evento, que teve início com café da manhã e networking, Sueli apresentou as iniciativas da organização. O encontro contou ainda com uma apresentação do representante do Governo da Flórida, Fabio Yamada, diretor da Enterprise Florida, agência público-privada que tem a finalidade de gerar emprego, renda e trabalho para o estado americano.

De acordo com Sueli, "o Brasil estará navegando em águas turbulentas este ano, mas tenho absoluta confiança que vamos retomar o crescimento econômico como recuperamos em outras crises financeiras. E o BFBC vai desempenhar um papel significativo neste processo. Nós estaremos desenvolvendo um trabalho voltado para restaurar a confiança dos investidores estrangeiros e americanos, principalmente da Flórida. E ao mesmo tempo promovendo as oportunidades de negócios no Brasil e fomentando investimento americano do estado da Flórida para o País".

A Flórida já é grande parceira de negócios do Brasil. Atualmente, o comércio bilateral soma 20 bilhões de dólares, com domínio absoluto do Brasil em todas as exportações, principalmente, de equipamentos eletrônicos e aviões civis, motores e peças. Fato que comprova a excelente relação comercial existente entre o estado americano e o Brasil. Com isso, a Flórida deixou de ser um imenso parque de diversões para se tornar o principal canal receptor de investimentos dos Estados Unidos. O estado investiu fortemente ao longo dos anos na reestruturação de toda a infraestrutura para receber novos negócios. Com avançado sistema de telecomunicações, projetos ambientais sustentáveis e estrutura fiscal favorável, o estado concentra grande pólo estudantil, ocupando a 5ª posição no ranking nacional de escolas estaduais, segundo a revista Education Week, além de contar com mais de 50 universidades públicas e privadas que trabalham em colaboração com a comunidade empresarial para a construção de programas que reflitam as necessidades industriais da Flórida.

Devido à sua favorecida posição geográfica e proximidade com os mercados das Américas Central e do Sul, o estado está se consolidando como um dos principais pontos de acesso para aqueles que pretendem investir nos Estados Unidos. Com quinze portos de águas profundas, sendo o maior na costa leste, a região está preparada logisticamente para receber, armazenar e distribuir os produtos através das malhas ferroviárias e viárias que cortam o país, com distribuição estendida com agilidade para México e Canadá.

E as vantagens para quem decide investir na Flórida não se restringem somente ao território americano. Segundo Fábio Yamada, diretor administrativo da agência Enterprise Florida, "quando o empreendedor abre um negócio na Flórida, automaticamente ele passar a fazer parte do tratado de livre comércio norte-americano e usufrui do benefício de fácil acesso ao Caribe, América Central, países do Pacífico e da América do Sul e futuramente com países europeus. E com praticamente tudo certo para o fechamento da aliança do Pacífico, as vantagens serão ainda maiores".

Samuel Souza

Vervi Assessoria de Imprensa 

 ###


Request an appointment

Brazil-Florida Business Council • 2202 N. West Shore Blvd. • Tampa, FL 33606 

© 2021 Brazil-Florida Business Council, Inc. All rights reserved. Terms of Use